Turismo

Secretaria de Turismo e Viagens fará treinamentos regionais

Iniciativa Turismo SP em Ação terá os primeiros encontros em Marília e Pirapozinho na próxima semana; objetivo é identificar oportunidades e desafios  

A Secretaria de Turismo e Viagens dará início, na próxima semana, a uma série de dez workshops do programa Turismo SP em Ação, com o objetivo de unir esforços para dinamizar o turismo em cinco polos do Estado de São Paulo: Oeste - Pontal e Vale do Paranapanema; Noroeste – Rios; Sudoeste – Cânions; Nordeste - Baixa Mogiana; e Leste - Vales Históricos e da Fé.   

O primeiro encontro será na próxima terça-feira (31), em Marília, e vai receber representantes das Regiões Turísticas (RTs) Alto Cafezal e Circuito das Nações. O segundo, no dia 1º, acontece em Pirapozinho, e terá como foco as RTs de Pontal Paulista e Sol do Oeste. No evento, a Secretaria de Turismo e Viagens, em parceria com interlocutores locais, entidades e iniciativa privada, fará o mapeamento de oportunidades e desafios.  

“A ideia é aproveitar as potencialidades locais, criando sinergias, para que gerem um turismo integrado ao contexto regional, que faça sentido para a população e atraia mais visitantes”, disse Vinicius Lummertz, secretário de Turismo e Viagens. Juntos, os cinco polos reúnem quase metade das regiões turísticas do estado e conectam 200 municípios.  

Serão quatro meses de trabalho, com encontros presenciais e virtuais, que culminam com um plano de ação prático, entregue a cada uma das regiões. O programa Turismo SP em Ação faz parte do plano de desenvolvimento estratégico de turismo 20-30 e atua em regiões prioritárias para o governo de SP. Veja a lista completa dos encontros:   

31/5 - Polo 1: Marília 

01/6 - Polo 1: Pirapozinho 

07/6 - Polo 2: Lins 

08/6 - Polo 2: Araçatuba 

09/6 - Polo 2: Votuporanga 

14/6 - Polo 5: Cruzeiro 

22/6 - Polo 4: São João da Boa Vista (em confirmação) 

23/6 - Polo 4: Mogi Mirim 

30/6 - Polo 3: São Miguel Arcanjo 

01/7 - Polo 1: Ourinhos 

Foto: Os cinco polos irão mobilizar empresários e setor público de 200 municípios 

Deixe um comentário