Editorial

Crise no PP de Itapeva e intrigas e acusações abalam estruturas do partido

ROUPA SUJA DO PP

 

Por decisão do diretório do PP de Itapeva, o vereador Ronaldo Coquinho perdeu a liderança do partido na Câmara Municipal e foi retirado de todas as comissões que fazia parte. O vereador acusou o golpe na sessão, tendo apoio do colega correligionário Marinho Mishyama, que também reclamou da situação. Os vereadores acusaram a vereadora Áurea e Dra Fabrícia, presidente do PP, de manobrarem pela queda de Coquinho, que foi eleito pelo povo do Alto da Brancal. O mesmo povo que deixou de votar no veterano Margarido para votar nele, que recebeu apoio do antigo cacique do PP e deixou Margarido na mão. Será que karma eleitoral do Coquinho está sendo cobrado pelas forças políticas ocultas da política de Itapeva? Com a palavra os vereadores que usam o plenário do Poder Legislativo para lavar a roupa suja do partido, que pelo jeito anda bem encardido há muito tempo! Arthur Lira que o diga!

 

O VEREADOR INSUPORTÁVEL

 

Após as reclamações de Coquinho na tribuna, o veterano Tarzan perdeu as estribeiras. Apesar de não ser correligionário de Coquinho, Tarzan fez uma questão de ordem alegando que o colega estava mentindo sobre a situação. Tarzan bateu de frente, exigindo que as reclamações de Coquinho fossem averiguadas pelas comissões de ética da Casa de Leis. A mesma comissão que é reconhecidamente omissa, abafando inúmeros casos de quebra de decoro e desvios de conduta de vereadores no passado. O presidente Roberto Comeron de imediato abrandou o ânimo revoltado do vereador Tarzan. Pelo jeito, mais uma vez uma briga de compadres vai dar em nada além de falatório e entrevistas para jogar para a torcida. Esse foi mais um capítulo para o vereador que se autodeclara como museu vivo da política de Itapeva e insuportável.

 

QUEM QUER DINHEIRO?

 

Aparentemente o que deixou Tarzan em estado eufórico e revoltado foram as declarações do vereador Coquinho de que o prefeito Mário Tassinari compra apoio político de determinados vereadores à base de oferta de dinheiro e cargos. Embora não haja nada comprovado, bastou isso para Tarzan pegar na partida e deixar a habitual ironia e sarcasmo de lado e partir para cima do colega exigindo averiguação da declaração em processo disciplinar. O que não vai acontecer, pois na Câmara Municipal de Itapeva o telhado é de vidro e o corporativismo político varre tudo para debaixo do tapete. Agora todos os vereadores que votam favoráveis aos projetos encaminhados pelo prefeito podem ser considerados como participantes do auditório do programa Topa Tudo Por Dinheiro do Silvio Santos? Perguntar não ofende: Mario Tassinari é o prefeito do Milhão e prefeito do Baú da Felicidade dos vereadores?

 

MORAL DA HISTÓRIA

 

Atualmente todos os vereadores do PP foram os mesmos que brigaram pela saída de Luiz Cavani e entrada de Mário Tassinari na prefeitura, após o episódio das Notas Frias. Depois de não haver distribuição de cargos e relacionamento positivo com Mário Tassinari como prefeito empossado, após afastamento definitivo de Luiz Cavani das funções pelo Ministério Público, os vereadores contra Cavani que eram do MDB e PP, que na época era comandado por Áurea, um anti-cavanista ferrenha, e agora uma vereadora que é meio base e meio oposição a depender do tema da ordem do dia. Já os outros, se tornaram inimigos do prefeito, porque não teve carguinho pra ninguém do PP.

 

POR FALAR EM CARGOS

 

Novamente são os vereadores de oposição, que incluem PP, MDB e PSDB, que impedem que funcionários públicos de carreira, devidamente concursados, tenham a possibilidade de terem cargos de função para executar suas funções com salários condizentes com as atribuições que recebem nas secretarias que fazem parte. O assunto voltou à discussão na Câmara Municipal, mas sem ser debatido adequadamente, pois os vereadores do PP e outros partidos estavam mais interessados em discutir a relação e manobras políticas do PP durante a sessão e depois contar causos sobre a relação do vereador Robson Leite com a causa animal.

 

ONDE TEM FUMAÇA TEM FOGO

 

O vereador Tarzan abordou que um determinado projeto de lei foi arquivado de forma ilegal. A julgar pela expressão do vereador Marinho, que ficou com a postura corporal encolhida, enquanto Tarzan debulhava o assunto, parece restar claro que o presidente da tão badalada comissão de Legislação defende a permanência apenas dos vereadores que votam favoráveis a arquivamentos sem análise correta dos projetos, impedindo muitos projetos de lei de autoria do Poder Executivo sejam encaminhados ao plenário para votação de todos os vereadores. Com a palavra os nobres edis que afundam a imagem e reputação do Poder Legislativo de Itapeva usando suas prerrogativas de mandato para perseguir inimigos políticos, que nesse caso é o prefeito Mário Tassinari.

 

RETIRADA DE PAUTA

 

O famoso projeto de lei de aumento de IPTU, ou revisão da Planta Genércia de Valores, que tramita na Câmara Municipal todo ano, foi retirado novamente de pauta. Para desespero do prefeito que taxou os vereadores de demagogos, por não aprovarem aumento de arrecadação para que os projetos de moradia do município sejam executados, o assunto é requentado. Tudo leva a crer que em Itapeva nunca mais haverá aumento de IPTU, mas sempre haverá aumento de aluguel e valores exorbitantes de vendas de imóveis na bolha especulativa imobiliária da cidade, com ITBI mega milionários sendo pagos para a prefeitura. Os barões da grilagem de terrenos públicos e corretores mal-intencionados agradecem a cortesia! Quem se lasca são os sem teto e pagadores de aluguel que arcam com o ônus do imposto via contrato de locação. Que tal debaterem e aprovarem o IPTU progressivo primeiro e depois o aumento de IPTU?

 

SEMI PARLAMENTARISMO

 

O vereador Tarzan defende a tese que a política de Itapeva, na relação Poder Executivo e Poder Legislativo se torne "semi-parlamentarista". Ou seria melhor chamar de tarzanismo? O vereador causa atritos e ciúmes nas bancadas porque sempre está nas reuniões como convidado especial do prefeito, o que gera muitos comentários desabonadores nos corredores da Câmara Municipal sobre o vereador Tarzan ser base e oposição ao mesmo tempo. Acabou o céu de brigadeiro, agora é Mário prefeito do milhão meu amigão!

Deixe um comentário